Os Estranhos (The Strangers)

The Strangers The Strangers The Strangers

Esse é um filme, hum, estranho. Começa com um pedido de noivado/casamento malsucedido e de repente se transforma num terror psicológico e segue por esse caminho sem dar qualquer explicação.

O filme tem um ritmo lento, quase europeu, para disfarçar o fato que praticamente nada realmente acontece. Assim, além das usuais tentativas de espantar o telespectador, o diretor Bryan Bertino vai esticando uma história que poderia ser resolvida em 15 minutos, quiçá meia hora.

Sendo que num filme com pouco mais de cinco pessoas no elenco, dessas duas são vítimas e três são seus algozes, não há exatamente muitas coisas que podem acontecer. Sem falar que se você tiver algum problema com Scott Speedman e, em especial, Liv Tyler, que parece ter sido vítima sim de uma aplicação de botox que saiu incrivelmente errada, melhor passar batido desse filme.

A surpresa final, ou a falta de, é que “Estranhos” tem uma daquelas conclusões ‘inconclusivas’ típicas de quem não sabia como acabar o filme. Tipo, era isso. Foi o que pode arranjar. Quem quiser explicações que vá se queixar ao bispo...

Saulo Gomes

(The Strangers, EUA, 2008) Direção: Bryan Bertino. Elenco: Liv Tyler, Scott Speedman, Glenn Howerton, Gemma Ward, Kip Weeks, Laura Margolis. Duração: 85 min.

Voltar