ZeroZen Files

O Misterioso Vapor dos Aviões

Esta impoluta revista digital não descansa (mas é por que está bem longe da aposentadoria). Porém, o fato é que com o surgimento das redes sociais milhares de conspirações vieram à tona nos grupos de família do Whatsapp. Mas é um material fraco, de segunda mão, nada que chegue a complexidade de um ZZ-files.

Entretanto, uma tia bêbada resolveu perguntar no almoço de domingo: "o que são aqueles rastros brancos que alguns aviões deixam no céu?". Estranhamente, não havia uma resposta óbvia. Contudo, ao investigar algo aparentemente simples, uma terrível conspiração acabou sendo revelada.

Ao realizar uma rápida pesquisa na Internet, surge uma explicação banal. Em tese, os rastros brancos deixados no céu pelos aviões são como pequenas nuvens, na verdade, formadas pela condensação do vapor de água. O fenômeno, inclusive, é conhecido como “trilha ou esteira de condensação” ou, em inglês, "contrails" (google it). Geralmente, essas nuvens aparecem quando o avião está em uma altitude acima de 8.000 metros e com uma temperatura externa abaixo de -40ºC.

Se essas condições são obtidas, então um pouco de física básica explicaria o fenômeno. A temperatura externa dos aviões quando alcançam grandes altitudes (acima de 8.000 metros) é bastante baixa. Na verdade, chega a inacreditáveis 50ºC negativos. Só que, por outro lado, as turbinas das aeronaves produzem uma descarga de gases quentes, atingindo mais 300ºC. Quando esses gases entram em contato com o ar extremamente frio, o vapor de água se resfria rapidamente e se condensa, formando pequenas gotas de água.

Com o movimento do avião, o resultado é uma fina nuvem, que pode ser longa e duradoura ou curta e rápida, dependendo da umidade e da temperatura da atmosfera. Quanto mais frio e úmido, maior e mais duradouro será o rastro. Embora sejam constituídos, em sua grande maioria, por cristais de gelo, as trilhas também podem conter outros elementos provenientes da exaustão das aeronaves, como fuligem e dióxido de enxofre.

Parece fazer sentido, não é? Mas para um observador bem-treinado, com décadas de teorias de conspiração isso é um absurdo. Por quê? Ora, essas condições se repetem a cada voo. O problema é: por que somente alguns aviões largam essa "nuvem de vapor"? Por que a lei da condensação só vale em alguns casos?

Alguém poderia alegar que os aviões na verdade usam carvão como combustível. Provavelmente existe uma série de imigrantes ilegais mantendo uma caldeira permanentemente aquecida. Bem, o ZZ-files não pode negar que essa é uma hipótese muito provável. Contudo, a verdade é muito mais simples e apavorante.

Os aviões estão jogando substâncias químicas para emburrecer a população. No caso do Brasil, a missão, diga-se de passagem, foi muito bem sucedida. É só ver a quantidade de pessoas com saudade da ditadura militar ou com medo de um regime comunista! Realmente, essa conspiração conseguiu um nível de sucesso sem precedentes.

É difícil saber quem seria o culpado. Especulamos que seja uma pessoa ou grupo altamente inseguro. Afinal de contas, depois que sertanejo universitário tomou contas das paradas, deveria ter ficado claro que a burrice venceu...

Fofox Murder

A verdade está lá fora esperando o ônibus na rodoviária

Considerações finais:
1 - Se a teoria da ZeroZen estiver correta, todos os acidentes de aviões estão explicados. Como se sabe, esse é o meio de transporte mais seguro do mundo. Então toda vez que o piloto ou co-piloto fala algo que pode desvendar a conspiração algo terrível vai acontecer. Por exemplo, imaginem o seguinte diálogo na cabine de comando de um Boeing 737: "Que engraçado. Parece que o avião está jogando uma substância lá embaixo". Pronto. A partir daí, o destino da aeronave já estaria traçado. Ela jamais conseguiria pousar no solo...

2 - De acordo com o dados do Censo da Educação Básica de 2017, divulgadas pelo MEC (Ministério da Educação) o total de matrículas no Ensino Médio vem caindo ao longo dos anos. O número de alunos fora da Escola já chega a 1,5 milhão. Mais ainda: os índices de reprovação e abandono nos anos finais do ensino fundamental (6º ao 9º ano) são altos.

3 - Segundo pesquisa realizada pelo Pearson International, que faz parte do projeto The Learning Curve (A curva do aprendizado, em inglês), o Brasil está em penúltimo lugar em ranking de qualidade na Educação. O ranking é elaborado a partir dos resultados de três testes internacionais, aplicados a alunos do 5º ao 9º ano do ensino fundamental. O Brasil só vence a Indonésia. Será que nesse país da Ásia aviões também largam "vapor d'água"?

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina