ZeroZen Files

A Internet é o anticristo

A ZeroZen como qualquer outra empresa brasileira vive à beira da falência. Estamos sempre a um passo de ter que comer restos de bauru no calçadão. Uma das desvantagens da falta de dinheiro é ter de conviver com pessoas estranhas e cheias de manias bizarras, mais conhecidas como vizinhos. Então, do nada, o escritório dessa impoluta revista digital foi invadido por algo que quase poderia ser descrito como uma aparição.

Na verdade, era uma vizinha da ZeroZen que já está quase no fim da terceira idade ou a um passo da demência; o que acontecer primeiro. Não faz diferença. Ainda assim, ela procurou a redação para desvendarmos um mistério capcioso: segundo ela a Internet seria o Anticristo! Sim o Anticristo!

Primeiramente titubeamos, mas ela certamente viu mais programas religiosos do que nós (que nunca vimos nenhum, ou fomos a uma missa ou fizemos primeira comunhão, bem já deu para captar a ideia). Estranhamente - após fazer sua apocalíptica afirmação - a vizinha desapareceu em uma nuvem de fumaça. Acredite, isso até pode ser estranho, mas para a ZeroZen é só mais uma segunda-feira. De qualquer forma, resolvemos investigar a questão (até por que não tínhamos nada mais interessante para fazer).

Pela primeira vez, resolvemos seguir pistas ignoradas pelos teólogos tacanhos. A ZeroZen foi onde nenhum padre ou pastor evangélico jamais foi. Em um ato investigativo de abnegação suprema fomos ler a Bíblia, o maior livro de ficção de todos os tempos. Só que o resultado foi assustador. Em um primeiro momento, fomos procurar a existência de algum indício suspeito no Livro de Daniel.

Por quê? Bem, ele pode ser descrito como o Apocalipse do Antigo Testamento. Sim, existem inúmeras revelações sobre os tempos do fim de todas as coisas. Aliás, nenhum outro livro velho testamento escreve tanto sobre o tema. O profeta Daniel vivia na Babilônia, onde o povo judeu se encontrava exilado por quase 70 anos.

Este livro é fundamental para compreensão de muitas profecias do livro do Apocalipse. Vejam o que diz Daniel:

"Ele fará firme aliança com muitos, por uma semana; na metade da semana, fará cessar o sacrifício e a oferta de manjares; sobre a asa das abominações virá o assolador, até que a destruição, que está determinada, se derrame sobre ele." (Daniel 9: 26-27)

Epa! Ele fará muitas alianças. Em essência isso pode ser entendido como as redes sociais. Onde mais se fazem tantas conexões? Se você quer entender o verdadeiro significado de abominação, basta ler os comentários das postagens do Facebook. Vale notar que Daniel tinha uma concepção de tempo meio estranha (cada semana equivaleria a a um período de sete anos ou pares de sete anos, mas isso já é outra história).

De fato, a leitura do profeta Daniel não tranquilizou a redação da ZeroZen. Então decidimos ir direto para o Apocalipse. E foi neste momento que as coisas ficaram estranhas. Deem uma olhada neste trecho:

"Anticristo irá aparecer e se livrar de qualquer pretensão da religião. Ele vai acabar com Deus completamente. Ele irá realizar sinais e maravilhas para provar ao mundo uma vez por todas que a humanidade é auto-suficiente" (Apocalipse 13: 13-14)

Mas não exatamente isso que a Internet fez? Agora, todo mundo tem toda a informação do mundo disponível em um único lugar. Todo mundo é Deus! Logo, Ele não existe mais. A humanidade se tornou auto-suficiente. Sequer precisa ir a banca de revistas comprar pornografia. A Internet resolveu esse problema também.

A coisa é tão assustadora que no Apocalipse está previsto o surgimento do Twitter

“Então ele abriu a boca em blasfêmias contra Deus, para blasfemar do seu nome, seu tabernáculo, e aqueles que habitam no céu.” (Apocalipse 13: 6)

Onde mais se pode blasfemar (xingar) à vontade? No Twitter, é claro.

E tem mais! O Anticristo não para de crescer. Exatamente como está previsto na Bíblia.

Seu poder e força aumentarão, assim como sua tirania, e isso resultará num desafio final da sua força militar e política, que culminará na batalha de Armagedom (Apocalipse 16.14-16).

Bem, nesse momento a redação da ZeroZen estava aparvalhada. Ficamos horas sem dormir (tentando achar um sinônimo para aparvalhada). Não havia dúvidas. A Internet era mesmo o Anticristo. Ingenuamente, os teólogos imaginaram que o Anticristo era uma pessoa, mas ele é uma ideia. A Internet já dominou o mundo. E, verdade seja dita, estamos indo ladeira abaixo. O apocalipse se aproxima. O fim está próximo. O que significa que finalmente vamos parar de pagar boletos. Aleluia!

Considerações finais:
1 - Lembrem-se o anticristo fará sinais de prodígios da mentira (alguém aí falou em fake news?)

2 - Para que o anticristo tome conta do cenário mundial com êxito, é necessária uma preparação psicológica da população mundial para que ele seja totalmente aceito assim que chegar. Não foi exatamente assim que ocorreu com a Internet? Ele seria visto seria algo bom, prático e atrativo. Isso precisa ser feito para que anticristo seja aceito como líder mundial.

3 - Curiosamente, o apóstolo Paulo fala da evolução do mal: a fermentação da iniquidade, a grande apostasia, e o homem da iniquidade. O interessante é que ele descreve, inicialmente, como uma coisa (to datechon), e depois como uma pessoa (ho katechon),

Fofox Murder

A verdade está lá fora sem sinal de internet

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina