Colgate Plax Whitening ou o peixe morre pela boca

O quanto um comercial pode ofender a inteligência das pessoas? O quanto um comercial pode ser idiota? Bem, Colgate Plax Whitening com um roteiro bizarro que empilha uma sucessão de piadas sem a menor graça parece estar no topo da lista.

O filme criado pela Year Propaganda e com direção de Paola Siqueira merece estar no obituário pela sua completa falta de noção. Tudo começa com um rapaz em seu banheiro, fazendo suas abluções. Então, sem qualquer aviso, o local é invadido pelo que parece ser uma equipe de reportagem.

Enquanto a pessoa reflete o que diabos estão fazendo todas essas pessoas no meu banheiro, uma jornalista (?) que parece saída do programa Profissão Repórter explicar ao incauto jovem as vantagens de usar o Colgate Plax Whitening.

Um aviso aos nossos amigos publicitários se você é um jovem é tem o seu banheiro invadido por pessoas estranhas não vai estar disposto a conversas. No comercial a repórter pergunta:

- Você usa enxaguante bucal?
E o rapaz - interpretado por Rodrigo Frampton - responde:
- Para branquear os dentes?

Bem, no mundo real, um disparate desses enquanto você mal acordou... As consequências podem ser trágicas. Ou seja, se alguém faz isso provavelmente está pedindo para levar um tapa na cara...

E os diálogos seguem cretinos ao extremo. Até o final absolutamente constrangedor. Quem teria coragem de dizer algo como:

- Branco assim!
- Uau!Brilhante!
- Não, isso foi o flash. Branco assim!

Vale notar que além das interpretações bizarras de todo elenco, ninguém em cena sabe como segurar os equipamentos da reportagem...

Da Equipe de Articulistas

Colgate Plax Whitening